24/10/14 | 00:11
Boi Manaus na Arena da Amazônia tem aprovação do público

boiarenaaprov (2)

Pela primeira vez na Arena da Amazônia, o Boi Manaus tem conceito aprovado. Mais de 12 mil pessoas participam das primeiras horas do evento que teve início às 18h, desta quinta-feira, 23. Organização, segurança e conforto estão entre os temas destacados pelo público presente.

“É a primeira vez que a Prefeitura realiza uma festa na Arena da Amazônia e queríamos proporcionar não só um espetáculo ao público, mas uma oportunidade aos artistas já que, para muitos, pode ser a única vez em que se apresentam no palco mais disputado da Amazônia”, declarou o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula.

A abertura do evento contou com uma Roda de Toada, apresentação típica do boi-bumbá, depois o Canto das Yaras, ressaltando a presença feminina entre os artistas do boi.

Fã das toadas e pela primeira vez na Arena da Amazônia, a manicure Ana Maria Correa disse que se impressionou com a organização do evento. “Desde a entrada do público até o estádio, tudo perfeito. E como fã de boi, o espetáculo está lindo. Vi a prévia na feirinha e trouxe meu marido e amigos para curtir a noite”, declarou.

Na multidão, várias pessoas vestem os tururis – o traje típico do evento – para curtir a festa mais perto do palco a exemplo da estudante Selma Regina, que participa há anos do Boi Manaus. “O Boi Manaus é uma festa nossa, não tem como não participar. É envolvente, você escuta a música e já tem vontade de dançar, cantar e curtir tudo. Fui ao Sambódromo na semana passada e é minha segunda vez na Arena da Amazônia. A festa está linda, organização excelente”, falou.

O pajé oficial do boi-bumbá Garanhão, Duquinha Lima, também está pela primeira vez no estádio. “Para mim é um orgulho apresentar na arena. É minha primeira e estou emocionado. A oportunidade que tenho de mostrar um pouco da nossa cultura ao público é um privilégio, ainda mais dentro de um local tão bonito quanto este”, disse Duquinha minutos antes da apresentação do boi manauara.

Na virada para o dia 24 de outubro, data em Manaus comemora 345 anos, os artistas Edilson Santana, Márcia Siqueira e Zezinho Corrêa subirão ao palco do evento para uma surpresa ao público. A festa vai até às 3h e o acesso do público é controlado por catracas. “Quando atingirmos 45 mil pessoas, a entrada na arena será permita somente após saída dos brincantes. Assim podemos garantir que todos participem da festa com todo conforto e segurança”, finalizou Monteiro de Paula.

Para garantir a preservação do gramado do estádio e garantir a segurança dos brincantes, todo o campo foi coberto com um tapete especial, o easyfloor, como ocorre em todos os grande eventos realizados em estádios de futebol.