20/03/15 | 10:53
Prefeito anuncia editais no valor de R$ 3 milhões para a cultura

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto,lançou, nesta quinta-feira, 19, três editais voltados para o segmento artístico-cultural com investimentos de R$ 3,1 milhões. Esse é o maior valor já destinadopara o segmento na capital. A solenidade de lançamento foi realizada no salão nobre do Paço da Liberdade, que fica no Centro Histórico de Manaus.Os editais serão publicados no Diário Oficial do Município (DOM) e estarão disponíveis também aqui no site, no menu direito “Editais 2015”.

De acordo com o prefeito, objetivo é fortalecer as ações no setor da economia da cultura e contribuir com a criação de uma política pública efetiva para promoção cultural na capital. “Isso para mim é um sonho, que não se realiza de uma hora para outra, mas vejo que temos talentos enormes e que para eles é muito difícil ganhar projeção nacional. O que queremos é apoiar esses talentos e abrir oportunidades para eles fora do Estado, porque temos que galgar espaços melhores também na produção artística. Sempre sonhei muito com isso”, afirmou Arthur.

Os três editais contemplarão até 106 projetos, sendo até 79 do Prêmio Manaus de Conexões Culturais, com investimento de R$2.120.000; até 15 de Cultura Hip Hop, com investimento de R$200 mil e até 12 de Ocupação Artística, com R$780 mil.A ideia é contemplar as diversas linguagens e expressões artísticas para fomentar a produção, formação, difusão, residências, intercâmbios e pesquisas culturais de artistas consolidados e/ou novos talentos de Manaus.

Segundo o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula, todo o processo vem sendo realizado de forma democrática e participativa junto às classes artístico-culturais.“O que desejamos é que a cidade seja ocupada por movimentos culturais e, principalmente, que esse novo cenário seja criado conjuntamente pelo Município e pelos representantes de classe, fomentando toda a cadeia produtiva da cultura”, disse.

Essa é a primeira etapa do Sistema Municipal de Fomento à Cultura (Siscult). Até fim do ano serão lançados mais dois editais que somarão até 130 projetos de diversos segmentos.

O presidente do Conselho Municipal de Política Cultural (Concultura), Márcio Souza avalia que essa é uma conquista que marcará um novo momento na cultura local.“É um edital que, dentro das exigências burocráticas, é muito simples e não complica a vida dos artistas. Isso é um grande resultado e acredito que deve se tornar um novo padrão. Fora isso, queremos implementar a Lei Municipal de Incentivo à Cultura, que vai aportar ainda mais recursos para categoria”, concluiu. 

FOTOS: Alex Pazuello/Semcom