04/07/14 | 21:27
Torcedores invadem as ruas em mais um jogo do Brasil

Torcedores invadem as ruas em mais um jogo do Brasil

A torcida amazonense mais uma foi às ruas torcer pela seleção brasileira na Copa do Mundo. Desta vez contra a Colômbia, nesta sexta-feira, 4, em partida válida pelas quartas de final da competição. Em dez ruas da cidade, a Prefeitura de Manaus montou estrutura com telão e som para que os torcedores não perdessem qualquer lance do jogo. Os locais escolhidos foram as ruas mais enfeitadas da cidade pelos moradores.

Na rua Santa Isabel, na Praça 14 de janeiro, zona Sul, milhares de pessoas se reuniram para acompanhar a partida. O local é considerado um dos mais ornamentados do país. “É maravilhoso poder ver tanta gente prestigiando a nossa rua. Esse é um trabalho que envolveu todos os moradores e se não fosse esse apoio da prefeitura, a nossa festa não seria a mesma”, destacou Graça Mota, moradora do local há 40 anos e uma das organizadoras responsáveis pela ornamentação.

Na rua 24 de Agosto, no bairro Morro da Liberdade, zona Sul, a movimentação também foi intensa. “É muito bom poder torcer pelo Brasil ao lado da família e amigos, principalmente em uma rua tão animada como essa aqui. E se tudo der certo, Brasil hexacampeão”, declarou o funcionário público, Herbert Ribeiro.

Na avenida Itaúba, na zona Leste, mais de três mil pessoas passaram pela transmissão pública organizada pela prefeitura. Com a vitória da seleção brasileira por 2 x 1, a festa foi garantida. Márcia Nôvo, Frutos do Pagode e DJ animaram o público que se divertiu ao som de grandes sucessos.

“Na próxima terça-feira nós estaremos aqui de novo, com toda essa estrutura e com novas atrações, fazendo a festa pra toda essa torcida que vem pra Itaúba”, afirmou Gisa Almeida, gerente de produção da Manauscult.

Semasdh apreende bebidas alcoólicas

Diferente dos outros jogos, neste a grande quantidade de menores desacompanhados chamou a atenção dos assistentes sociais da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (Semasdh). Quatro crianças foram levadas para a central de atendimento criada no local por estarem consumindo bebidas alcoólicas.

“Ainda não tínhamos encontrado uma situação como esta, de tantas crianças e adolescentes ingerindo bebidas alcoólicas. Elas tentam disfarçar utilizando garrafas de refrigerante, mas quando detectado pelos nossos assistentes, o menor é encaminhado para nossa central e os pais são intimados”, afirmou Vera Queiroz, coordenadora da ação pela Semasdh.

Reportagem: Leonardo Fierro

Imagens: Marinho Ramos/Semcom